A Vida Intima de Laura de Clarice Lispectro





Laura, nome de música, de livro, de filme, de gente e também de... galinha. Não uma qualquer, ela é simplesmente a personagem principal de um livro de Clarice Lispector e, coitada, por causa disso terá toda a sua vida devassada. Claro, não fosse assim, não faria sentido o título se referir à "vida íntima" da protagonista. A autora começa apresentando-a como "muito da simples", que vive no quintal de Dona Luísa. Casada com o galo Luís, Laura tem uma grande qualidade: bota mais ovos em todo o galinheiro! Mas, em compensação, tem vários "defeitos". O pescoço, por exemplo, é o mais feio do mundo. A galinha é buuuuuuurra, tão burra que a autora chega a dar graças a Deus que ela não fala para não despejar obviedades por aí. Nossa personagem tem um grande medo: virar almoço. Mas, se esse destino for irreversível, que seja comida pelo craque Pelé.A composição da "personalidade" da galinha e a "exposição" de sua vida são formas inteligentes de abordar assuntos interessantes para as crianças. Por exemplo: Laura morre de medo de morrer, mas, de alguma forma, ela entende que isso faz parte da vida e chega ao luxo de escolher uma maneira "elegante" de virar galinha ao molho pardo. Embora seja a figura central da história, ela não é uma heroína. Clarice a apresenta como uma personagem sem méritos especiais. Pelo contrário, diz que a galinha é sem graça, apressada e absolutamente comum. Mas tem uma aptidão especial, a de botar ovos. Para a criança, pode ficar uma lição preciosa: a de que é possível sobressair à custa de algum talento, qualquer um, e não pela beleza ou riqueza.Clarice ainda dá uns pequenos toques em seus pequenos leitores. Lembra que viver apressadinho é uma grande bobagem e, após contar que no galinheiro tinha uma única galinha diferente das demais, ela arremata: "Ninguém despreza a carijó por ser de outra raça. Elas até parecem saber que para Deus não existem essas bobagens de raça melhor ou pior."A vida íntima de Laura" é um livro infantil inteligente e gostoso de ser lido.


Elaine

6 comentários:

sorria, disse...

qria eu ter lido ou ouço esse livro na minha infância, =D
mas, lerei pras minhas meninas, q por sinal estão enorme, cada dia mais sapecas, a Duda (+ velha) aprendeu a ler, e comprei livros infantis pra nos divertirmos esse fds, e fora q o raro SOL abriu aqui, é provavel q as leve pra praia, qro fots com elas, gosto de registrar TUDO e elas pegaram isso de mim, se divertem MTO com a camera na mão, temos MTAS fots, =D
qto ao meu livro, é um romance espiritual, ele é mto inovador na forma q foi escrito, em flashs, e isso é complicado, pq estou tentando qbrar um paradigma, se vc se interessar posso te enviar uma cópia e depois me envia sua opinião, CRITICA, preciso disso, pois a editora a qual me procuro, postergou o prazo por tempo inderteminado, mas, vou a luta de novas editoras...
bju GRANDEm to indo almoçar, mta fome
se cuida e fé!

Meryone disse...

aqui sao difíciles de achar os livros da clarice para crianças

nao os que escreveu para maiores

lástima, porque têm aspeito de ser tao interesantes ou mais e de fazer pensar

as crises existencias sao terríveis, mas há que sobreviver a elas

como vai a sua saude?

beijos

Meryone disse...

o seu mau estar vai ser nada e vai ser rapidamente arranjado, já verá

eu esteve apaixonada por um luis (aqui escreve-se assim) há uns vinte anos. o meu primeiro ano de escola (risos)... mas tudo quedou nisso

a clarice é sempre fantástica

beijos

nao quero trabalhar!

sorria, disse...

oi elaine, mandei o "rascunho" pro seu e-mail, espero q apreecie a leitura, grande bju pra vc

;-)

pseudokane disse...

E tu lembras quem foi o anjo que me permitiu que lesse este livro supremo, não foi? Logo tua filha, aquela pessoa fantástica, com quem vou poder tratar novamente de "amiga inseparável" na semana que vem...

também me acabo de rir e de me emocionar com ARDIDA COMO PIMENTA. A canção sobre o amor secreto é terrível...

e Feliz Pós-Aniversário de Casamento para ti - regada a muitas canções de Elis Regina. Pena que "não deu para fazer nada" no dia, mas nada que o tempo não corrija, né?

Beijo grande, te amo!

WPC>

sorria, disse...

enviei novamente, pode ser q estrapolou o limite da cx, apesar q mandei em PDF, não esta pesado...
rsrs

se tiver outro e-mail, me passa q envio.

bju bju