Pedrita Uma Gatinha Que Virou Estrelinha no Céu!


Só tenho dois sobrinhos. Bruno e Brenda filhos de minha irmã mais velha. Adoro eles e minha irmã sempre foi muito ligada a animais, tanto que quando tinha 8 anos e eu 7 ela queria criar uma cabra que achou na rua. Colocou até nome NICOLE! Veja só nome de gente. Mas meu pai não permitia é claro. A cabra deveria ter até dono.

Os meus sobrinhos são iguais, adoram animais e pegam na rua para cuidar e ela fica com eles, leva para veterinária e cuida como filhos! Chegou a ter  quatro  gatos e um cachorro!  Só um dos gatos era macho Napolião, o qual meu sobrinho salvou de um monte de moleques que estavam jogando ele para cima e o pobre já tinha fraturado as quatro patas. A primeira gata estava no lixo e ele ficou com ela e lhe deu o nome de Nicole, acho que por causa da cabra, e era a mais velha. As outras duas Pedrita e Perola foram dotadas pois ninguém queria ficar com elas! O cachorro foi um presente de uma amiga e ele convivia muito bem com as gatas, contanto que ele se comportasse bem, ou então apanharia delas e seu amigo e protector Napolião nem sempre podia com todas.

Nicole morreu de câncer na mesma época que meu pai, a veterinária acha que o stress da família afetou seu sistema imunológico e ela teve o mesmo tipo de câncer de meu pai. Napoleão morreu ano passado de câncer hépatico, fez quimioterapia e tudo mais , mas não houve salvação!

Hoje a poucos instantes morreu pedrita de câncer de mama e deixou não só meus sobrinhos e minha irmã arrasados , mas toda a família. Mas ela lutou dois anos contra esta doença e ficou sentindo dores e mesmo assim sem querer da trabalho a minha irmã de quem ela era mais chegada. Mas uma certeza nos temos é que ela fez tudo para que sua gatinha não sofresse e que fosse muito feliz enquanto convivia com ela!

Estou muito triste por mais esta perda e sentindo que quando agente ama não interessa se é animal ou humano a dor é a mesma. Agora Pedrita estar enfeitando o céu a noite sendo mais uma estrelinha a ser contemplada!


Elaine

5 comentários:

Andrea Sassaki disse...

Pôxa Elaine, meus sentimentos, tá?? E não importa quem vai, os que ficam é que sofrem mais! Beijocas!

Val disse...

hahaha... dessa vez nao pode nao .... hahahaha.. bjus ^^

CASSIANE disse...

Olá querida,
quero dizer-lhe que sinto muito por sua gatinha, afinal a perda sempre é triste!
Agradeço o carinho e as visitas lá no meu blogue!

Abraços

Elaine disse...

Olá!
Elaine, isso que você conta serve para quem pensa que animais não sentem e não são importantes verem que eles ~sao exatamente como nós em tudo. Não é incrível que as gatinhas e o gato tenham tido a mesma doença que faz sofrer sua família? Parece que eles sentem, né? Que sabem. Diga à sua irmã que eu sinto muito.
Fiquem com Deus.

Triste né, minha Peta também tem cancer, as vezes penso como vai ser quando ela virar estrelinha, acho que o vazio será imenso. Beijos