Horas Dóceis



                       Imagem Bryce Cameron Liston 


enquanto te espero
neste tule de desejo
sou noiva à porta da igreja
sem grinalda nem pureza
tu caminhas pelo meu corpo
com a sede do deserto...
e as minhas pernas serenas
embarcam no pulsar das estrelas
Eros virá nos teus dedos
a noite vibra entre os seios
a lua tange, eu sou piano
toco-me no vértice do espelho
a lua geme ao ver o arqueiro
a flecha parte certeira
horas dóceis na romanza
dos teus dedos sementeiras
e a noite brilha em solfejos
porque enquanto não vieres
fica só uma cratera acesa
para a adaga do teu beijo

Por LibeLua


Fontes:
www./oblogdalibelua.blogs.sapo.pt/texto
www.once-upon-a-midnight-dreary2.blogspot.com/imagem

4 comentários:

Olá Elaine! Belo poema. Muito profundo e dotado de muita sensualidade. Ótima escolha. Parabéns!

Beijos,

Furtado.

Mirtes disse...

Nossaaa!! que despertar de desejos.....adorei.

Bjssss

Guilherme disse...

Oiee, Bom Diaa!!
Aeee fiquei feliz em receber seu comentario, fazia tempo que não aparecia neh... e fico mais ainda em saber que de certa forma meus textos estão te ajudando.
E pode acreditar, escrevo somente o que sinto, ou que preciso mudar em mim, e fico feliz que esteja ajudando.
Se Cuida tá
E aparece mais.
Beijos

Gabriela disse...

Elaine! É verdade, tínhamos o fotolog com o nome parecido, agora você me fez recordar, eu também me confundia as vezes haha
Ah, consegui falar com o Wesley! Muito bom rever as pessoas do fotolog...

beijão