Postagem Coletiva – Uma Carta Para Mim




Recife, 20 de Setembro de 2009.


Querida Elaine TRISTE


Eu sou seu lado FELIZ e estou lhe escrevendo esta carta para poder lhe ajudar a se recuperar desta tristeza em que você se encontra. Sei que você tem motivos para se sentir desanimada e sem vontade de viver. Mais esta tristeza já estar ficando longa demais e se sentindo assim estar prejudicando nossa vida.
Nossos últimos quatro anos não foram fáceis para nós. Perdemos papai e ficamos doentes ao mesmo tempo. Com esta perda e o estado de saúde ficamos muito frágeis e assim você deixou de acreditar em dias melhores.
O que você tem que fazer Elaine TRSTE é esquecer o que passou de ruim em nossa vida e se focar naquilo que houve de bom. Viver o presente e esperar que o futuro aconteça. Lembrar sim, do que papai tinha de especial, de seu riso, dos carinhos e cuidados, dos filmes que assistimos juntos e tudo que ele nos ensinou.
Portanto querida Elaine TRISTE, pense no que escrevi nesta carta e procure seguir meus conselhos, porque temos dois filhos que ainda necessitam de nossos cuidados e atenção. Temos ainda mamãe, nossos irmãos e amigos que estão torcendo por nossa felicidade.
Espero que tenha gostado de receber minha carta e siga meu conselho para assim sermos apenas ELAINE.

Um beijo grande,

Elaine FELIZ

16 comentários:

Lucia disse...

Querida Elaine

Sei que esse espaço virtual não é suficiente para te dar aquilo que estás necessitando nesse momento: afeto, amizade verdadeira, cumplicidade e tantas outra coisas. Entretanto, mesmo distante geograficamente e sem o contato físico, posso perceber tua tristeza,e ela me contagia;também me entristeço. Talvez seja porque somos mulheres da mesma geração, criadas acreditando nos mesmos valores e sonhando, ingenuamente, com as mesmas coisa, não sei, são só especulções...
O que importa é que apesar de pouco sabermos uma da outra, tenho muito carinho por ti, desde que conheci teu blog e descobri que és uma pessoa sensível, passando por crise existencias, afinal, quem não as tem? O que quero dizer, para resumir, é que não estás só, tem pessoas que se importam contigo, embora sejam "amigos virtuais".
Forte abraço, amiga.
Muita Paz no coração!

Pseudokane3 disse...

Ótima mensagem!

Por favor, Elaine, obedeça ao conselho de si mesma...

WPC>

Querida Elaine (triste), espero de coração que as palavras da Elaine (feliz) façam algum sentido em seu coração, porque nós que a visitamos, esperamos (rezamos) que a Elaine (inteira) seja muito, mas muito feliz. Beijos, fique com Deus.

Dalva disse...

Elaine,

essa blogagem mexeu com nossos sentimentos... estou adorando participar. Parabéns pela postagem... linda!

Também estou participando... Se puder, dá uma passadinha, gostarei da tua visita!

Bjs.
Dalva

P.S. Adorei ler o livro A Cabana!
É especialíssimo!

*Cah* disse...

Oi Elainee!!

passando pra ver sua blogagem coletivaa! huhuhu!

Eu também torço para que a Elaine triste se torne a Elaine MUITO FELIZ!

Boa semana!

Elaine disse...

Elaine,
Eu sinto que vocÊ vai emergir a qualquer momento. Ouça a si mesma. Ouça si, pois você sabe o que diz...
Muito obrigada por participar!
Beijos.

Giselle disse...

Minha linda,
assim como vc perdi o meu Pai também, e assim como vc sei a falta que ele nos faz, né?
Mas, com esa carta tenho certeza que vc percebeu que tem de seguir adiante.
Siga com saudades, porém siga e tenha certeza a usadade dolrosa dá espaço para a saudade gostosa ...
Um beijo enorme, e adorei sua carta, que a Elaine feliz apareça o qto antes.

Nade disse...

Que bom saber que o passar dos anos transformou uma Elaine Triste em uma Elaine Feliz!
Encontrar a felicidade de maneira plena é saber que qualquer problema será resolvido da melhor maneira!
Bjs, querida, e parabéns pela belíssima participação na blogagem da Elaine!

Mirtes disse...

"É preciso saber sempre quando se acaba uma etapa da vida.
Se insistirmos em permanecer nela depois do tempo necessário, perderemos a alegria e o sentido do resto."

Elaine Triste, FOOORA DAQUIII!!!! la´, lá, lá, lá, lá, lá, FOOORA DAQUIII!!!!

Mirtes

Elaine, parabéns pela postagem!
Chega de tristeza!
Beijão

Debor@h disse...

Oi Elaine, linda a carta qeu vc escreveu para si mesma. Te desejo muita felicidade e que vc seja sempre a Elaine feliz, pois a vida é só uma e temos que aproveitar. Seja muito feliz!!! Beijosss

angel disse...

Chegar até aqui... Nem sei como cheguei, mas devo dizer que adorei conhecer as duas Elaines. Gostaria de deixar um recado para elas. Somos como as moedas, temos sempre duas faces. Às vezes somos mais um dos lados pois o equilíbrio é sempre difícil, mas o bom é saber que sempre a possibilidade de virar e deixar o sol aquecer os sorrisos e a alma e deixar entrar a luz, os afetos e ser feliz.
Nos momentos em que a tristeza quiser se instalar, lembre-se sempre dos bons momentos e sorria. sorria para a vida, sorria para si mesma. A vida lhe sorrirá.
Desejo-te muita alegria e paz.
Angel

Muito bonita sua carta minha amiga..
a tristeza é necessaria muitas vezes para darmos valor a alegria assim como tudo nesta vida..
mas..não é bem vinda nunca
Beijão

Kátia Ruivo disse...

Sua carta é mesmo triste, tem um ar de dor...fiquei feliz em constatar que o autor tem um sobrenome diferente...que bom que vc mudou! A vida sempre vale a pena!

lindo blog!
bjs

Carolina disse...

Bacana a sua carta.
Temos vários lados que compõe a nossa pessoa e estra triste é um destes lado B e com certeza precisamos fazer as pazes com todos os nossos laços para após desamarrarmos e seguir pra frente.
Todos temos um tempo, particular de cada um, para andar pra frente, mas com fé em si mesmo o caminho é mais rápido. Mesmo assim faz parte transitar por estes lados.

bjos meus

A Madrasta Má disse...

Elaine minha querida... ajeite sua piruka, como vc mesma disse existem pessoas que precisam de vc, inclusive vc, está precisando de vc... Se dê esta chance, supere, tenha força, sei que é fácil falar, mas te desejo felicidade... um dia de cada vez... e a piruka vai se ajeitando! Receba meu abraço virtual, um afago e sorria pq a sua vida vale a pena! bjinhos da Madrasta!

PS.: Depois me dê notícias!